Melasma no rosto: O que é e Fatores de Risco

Written by pablo on 02/12/2020 in Saúde with no comments.

Existem alguns incômodos estéticos que afetam especialmente as mulheres e um deles é o melasma. Embora o nome seja novo para alguns, a condição em si não é, afinal, todo mundo conhece ou já viu uma mulher com manchas acastanhadas no rosto.

Aqui estamos tratando especificamente de mulheres porque esse é um problema que acontece na grande maioria com mulheres, acometendo apenas uma pequena parcela dos homens.

Então, para saber mais sobre essa condição, continue lendo e veja os detalhes.

O que é o melasma?

O melasma nada mais é do que uma condição crônica causada pela hiperpigmentação da pele, ocasionada pelo acúmulo de melanina em uma determinada região.

Com isso, a pele passa a apresentar manchas de coloração castanho escuro ou marrons, cujos limites são bem marcados, mas o formato é irregular:

Embora possam surgir também em áreas como o pescoço e antebraços, as manchas aparecem com maior frequência no rosto mesmo, em locais como as têmporas, acima dos lábios, testa e maçãs do rosto.

O tamanho e a extensão dessas manchas pode variar bastante, sendo que algumas são pequenas e outras chegam a cobrir todo o rosto, felizmente, atualmente é possível tratar elas com Melan Free, um creme/gel clareador super eficiente e com ótimo custo benefício.

O problema é mais comum em mulheres que se encontram em fase reprodutiva, ou sejam entre os 20 e 45 anos de idade. Já dos homens, apenas 10% é afetado pelo problema e raramente ele se manifesta antes da puberdade.

As pessoas que possuem uma pele morena em tons mais escuros são as mais suscetíveis ao problema, como afrodescendentes, mulheres africanas, que possuem ascendência árabe, asiáticas e até as hispânicas que produzem mais melanina naturalmente.

Essa formação escurecida não traz maiores impactos para a saúde física da mulher, porém, pode representar um grande impacto na sua autoestima. Isso porque não é nada incomum que o aspecto das lesões sejam um problema para o estabelecimento de relações sociais e afetivas.

Fatores de risco para o melasma

Pois bem, existem alguns fatores de risco que podem ser considerados para o surgimento do melasma. O principal deles é ser mulher em idade reprodutiva e ter o tom de pele mais escuro.

Alguns outros fatores de risco são os seguintes:

  1. Exposição frequente à raios ultravioletas
  2. Ação de hormônios femininos, presentem em pílulas contraceptivas e TRH (terapia de reposição hormonal)
  3. Gestação, que é um período de muitas alterações hormonais
  4. Uso de cosméticos que sensibilizam ou irritam a pele
  5. Uso de medicamentos para epilepsia ou hipertensão
  6. Problemas de tireoide

Comments are closed.